Melhorando sua entrega

3 minutos

Essa publicação começa com um dilema para todos que fazem entregas, sejam relatórios, análises ou solicitações ao cliente.

Será que o cliente vai fazer o que estamos pedindo? Será que ele entendeu o porque que estamos fazendo isso?

Explicar, e deixar claro para o cliente que a entrega não são horas gastas na agência, e sim caminhos para gerar resultado. É isso que iremos ver hoje!

Ajudando o cliente a entender a entrega

Esse é um dos assuntos que mais me esforço para deixar rodando da melhor maneira possível, e qual é a maneira, fazer com que o cliente veja a entrega feita como um caminho para resultados.

Independente do segmente que atue, seja com cliente interno ou externo, é preciso reportar alguma informação. Talvez um relatório sobre a performance da campanha, uma implementação que deve ser feita ou um orientação para alguma mudança, independente do motivo o cliente deve entender essa entrega onde queremos chegar.

Para ficar mais direto, separei esse assunto em 4 pontos:

  • por que fazer a demanda;
  • a entrega do material;
  • o entendimento dele;
  • feedback.

Por que fazer a demanda?

pacote de entrega

Se você tem uma entrega que deve ser feita, com toda certeza(e tenho muita fé nisso) existe um motivo muito bom para você ou uma equipe esteja trabalhando nela. O primeiro passo para garantir o sucesso

dessa entrega, o entendimento e implementação dela, é que você entenda o motivos da realização e quais são os resultados esperados com ela.

Ajuda muito nessa etapa se reunir com a equipe que produziu o material para saber quais foram as dificuldades encontradas. Não adianta preparar um entrega que não poderá ser aplicada ou seu cliente terá dificuldade. Alinhe bem isso com a equipe que preparou a entrega e já defina um discurso para passar pro cliente.

A entrega do material

Essa etapa é bem delicada, só montar um email bonito e mandar pro cliente não resolve problema. A dica aqui é destacar no email (e na entrega) os pontos mais importantes, estratégia feita, barreiras (se houver) e resultados esperados. Vale ressaltar que nem sempre resultados serão financeiros, uma solicitação para reuniões quinzenais gera o resultados de maior controle do projeto.

Um outro destaque nesse email é que se a entrega é depende de uma aplicação, peça um prazo.

O entendimento dele

Ficou complicado? Converse!
Caso o cliente não tenha dado retorno após o envio, converse com ele, seja enfático no que se espera com a entrega. Aconselho a ter reuniões ou call semanal ou quinzenal com seus clientes, assim você garante que todas as entregas estão alinhadas e o projeto está caminhando na direção certa.

Feedback

Quase acabando né? A entrega foi feita de forma correta, seguindo uma solicitação, você preparou o email todo explicado e destacando os pontos chave, explicou tudo naquele call que você (agora) faz toda sexta e é isso! NÃO É ISSO!

feedback
Não adianta nada entregar melhor dos relatórios ou a orientação para implementação que vai aumentar a conversão se o cliente não aplicou. A dica aqui é ficar de olho na implementação da entrega (se houver).
Ajuda muito nessa cobrança, acrescentar no discurso uma visão se sócio, deixe claro que implementando a entrega, as chances de melhores resultados irão aumentar, mas pra isso o cliente precisa colocar ela em prática.

O resultado de todo esse trabalho é tirar a impressão de que o cliente vê as entregas como gastos para implementa-las, e as vezes nem sabe pra que isso vai servir. Você e sua equipe devem executar tarefas que gerem resultados.

Daniel Arend

MBA em Estratégia Empresarial e Inteligência Competitiva. Gestor da equipe de executivos de conta da SEO Master e docente na Pós Estratégia em Mídias Digitais.

This Post Has One Comment

  1. Dica muito útil. Tenho um e-commerce e preciso lidar com fornecedores. De fato as entregas devem ser precisam ser vistas como resultados e não um trabalho que foi repassado.
    Ótima leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *